Projeto do CSC (MG) incentiva hábito de leitura desde a Educação Infantil

Postado por admin

As crianças da Educação Infantil do Colégio Santa Catarina (MG) finalizaram, no mês de setembro, um projeto muito inspirador: “Livro, meu amigo de todas as horas”. O objetivo é incentivar o hábito de ouvir histórias e do contato da criança, desde cedo, com o livro. Depois de assistir a vários teatrinhos protagonizados pelas próprias professoras, os alunos foram presenteados com a maleta da ‘Boa Viagem’, em que, semanalmente, levarão livros para casa. A ideia é fazer uma leitura em família.

“Nos dias atuais, assistimos a um movimento em que as crianças são introduzidas em um ambiente tecnológico cada vez mais prematuramente. Foi a partir desse panorama que elaboramos o projeto. Quando a criança ouve ou lê uma história, é capaz de viajar por um mundo encantado, adquirir a capacidade de comentar, interagir com a história, acrescentar detalhes, personagens ou lembrar de fatos cotidianos”, afirma a supervisora educacional da Educação Infantil, Joana D’Arc Bomtempo.

É sabido que a literatura infantil contribui para o crescimento emocional e cognitivo da criança, despertando sua criatividade e autonomia, elementos necessários à formação dos nossos alunos. E, enquanto formadora de opinião, a escola não pode fechar os olhos a esse fenômeno social. “A importância do livro e sua acessibilidade é uma preocupação de todo o nosso corpo de educadoras. E nessa faixa etária, dos 3 aos 5 anos, esse trabalho de sensibilização é muito rico, porque as mentes estão abertas e ávidas para experimentar as delícias de uma boa história contada por um livro, basta ver a expressão das crianças nesses pequenos teatrinhos que fizemos”, destaca Joana.

Outro objetivo muito importante desse projeto é envolver as famílias nas práticas de leitura, promover maior interação entre os familiares, reduzir o uso excessivo de aparelhos tecnológicos pelas crianças e estimular a responsabilidade e o cuidado com os pertences coletivos, como os livros que as crianças poderão escolher para levar para casa.

O projeto vem sendo desenvolvido com as turmas de maternal, 1º e 2º período desde o primeiro semestre. Foram trabalhadas diversas formas de se contar uma história: teatro, imagens, música, audiovisual. Esta semana, o trabalho culminou com a visita da personagem Vovó Titina, que contou às crianças a fábula de Chapeuzinho Vermelho, com direito a muitas trapalhadas e gargalhadas.

“Terminada essa primeira etapa, de sensibilização, agora que as crianças já ganharam suas bolsas de viagem, uma vez por semana, na sala de recreação, o aluno vai pegar emprestado um livro e ficar com ele uma semana em casa, desfrutando de momentos de alegria, encantamento e descobertas. A ideia é depois, em sala, que a criança saiba contar com as próprias palavras a história que ouviu em casa com a família”, explica Joana.

2018.09.24



Sem Comentários

520 Visualizações

Deixe um comentário :