HSI realiza o primeiro transplante de coração do ano em Santa Catarina

Postado por admin

O paciente Leandro Raimundo Luetkemeyer, de 29 anos, foi o primeiro transplantado cardíaco do ano no Estado de Santa Catarina, sendo o feito protagonizado, no dia 12 de setembro, pela equipe do Hospital Santa Isabel (SC).

Segundo o cardiologista Dr. Emerson Varella, o baixo índice de transplantes cardíacos no Estado se deve ao fato do avanço na medicina, que permite que o paciente faça um tratamento medicamentoso ou utilize outros equipamentos que permitem que o coração funcione por mais tempo. Além disso, outro fator que também é essencial para que o transplante ocorra é o tempo em que o coração pode ser mantido fora do corpo, que é relativamente menor que os outros órgãos, variando apenas entre 4 e 6 horas.

O Hospital Santa Isabel é pioneiro no Estado com a realização do primeiro transplante cardíaco da história de SC, ainda no ano 2.000, e o único que mantém uma equipe transplantadora ativa, somando desde então 36 transplantes.

Para o paciente Leandro, que sofreu um infarto há pouco mais de dois anos, quando tinha apenas 26, este transplante é, sem dúvida, uma segunda chance de voltar a ser feliz. Um novo coração é tudo o que ele precisava para voltar a fazer planos e brincar com o filho.

2017.10.03



Sem Comentários

767 Visualizações

Deixe um comentário :