Equipes do Plantão 24h do HST fazem simulação de atendimentos

Postado por admin

As equipes do Plantão 24h e da Educação Permanente do Hospital Santa Teresa (RJ) iniciaram em abril mais um projeto visando a excelência no atendimento do setor. Com as equipes de enfermagem, estão sendo realizadas simulações de atendimentos em casos específicos. Já foram feitas simulações sobre traumas e paradas cardiorrespiratórias.

Uma equipe formada por técnicos de enfermagem e liderada por um enfermeiro simula o atendimento, por exemplo, de um paciente com parada cardiorrespiratória no estacionamento do Hospital, o que colabora com o aprimoramento das equipes do primeiro até o último atendimento. Os pacientes reais, nestes casos específicos de parada cardiorrespiratória e de trauma geralmente chegam até o Plantão 24h após terem recebido os primeiros atendimentos, seja pela equipe dos Bombeiros ou SAMU, por exemplo.

Nas simulações as equipes são avaliadas em agilidade, liderança, capacidade colaborativa, proatividade e até mesmo na humanização do atendimento e no acolhimento à família da vítima, que também tem sua participação simulada. Ao fim de cada simulação, os avaliadores se reúnem com os participantes para “debriefing”, ou seja, para discutirem as falhas ocorridas e informar as soluções. “É fantástico poder corrigir na prática e, assim, mantermos uma equipe coesa e atualizada”, afirmou Débora de Oliveira, supervisora de Enfermagem Educação Permanente. E os colaboradores já sentem a melhora.

“É muito bom. Apesar de todos os dias passarmos por essas situações (paradas cardiorrespiratórias e traumas), nós temos que nos aprimorar constantemente. Nos ajuda a ficarmos atualizados, saber das últimas mudanças, e nos deixa preparados para, em situações de risco, termos agilidade, preparo, consciência e nos aprimorarmos nessas situações para melhor atender aos pacientes que vêm para nós. Tem sido excelente, de verdade”, explicou a técnica de Enfermagem, Bruna Castilho.

De acordo com o técnico de enfermagem da sala de trauma, Nirlando Siqueira, é muito importante aprender a lidar com as situações do dia a dia de uma forma a fornecer o melhor atendimento aos pacientes e explica: “com as simulações nós aprendemos a ter um passo a passo para o bem do paciente, tendo assim uma equipe do Plantão Médico do Hospital com excelência no atendimento”.

A supervisora da Unidade, Andressa Amaral, oferece mais detalhes do treinamento dizendo que “inicialmente levantamos os procedimentos de maior complexidade como Ressuscitação Cardiopulmonar e atendimento ao politraumatizado. Começamos a desenvolver as simulações com os quatro plantões a partir de 6h da manhã”. Andressa disse que os colaboradores são pegos de surpresa, nunca sabem qual será a temática da simulação, mas sempre demostram engajamento e dedicação. “Já tivemos inclusive técnicos sugerindo outros temas. Não vamos parar por aí, a meta é fazer várias simulações mensais continuamente, pois sempre teremos o que aprender. Tenho certeza que a partir dessas simulações, desenvolveremos uma equipe de alta performance, com técnicos e enfermeiros preparados para atender às diversas demandas do Pronto Atendimento”, conclui.

2018.04.26



Sem Comentários

671 Visualizações

Deixe um comentário :