SEMANA DE COMBATE AO AVC MOBILIZA O HOSPITAL ESTADUAL CENTRAL

Postado por admin

Em 29 de Outubro é comemorado o Dia Mundial do AVC. Pensando nisso o Hospital Estadual Central realizou uma semana inteira de ações, visando prevenir e orientar sobre a doença. Esse ano, o tema foi “Eu sou mulher: o AVC me afeta”. A Campanha ressalta o fato de que, enquanto o AVC não discrimina entre os sexos, as mulheres têm maior risco de morte, recebem menos cuidados e, em muitos casos, são as principais cuidadoras dos maridos, pais e filhos afetados.

Cerca de 150 pessoas prestigiaram o evento, que aconteceu entre os dias 27 de outubro e primeiro de novembro no auditório do Hospital. A ação foi dividida entre os públicos para que as informações pudessem ser direcionadas a cada um.

Na segunda-feira (27) a palestra foi voltada para os colaboradores do hospital, com a palestra ministrada pelo Dr. José Antônio Fiorot Junior. Quarta-feira (29), foi a vez do corpo clínico participar da palestra sobre o assunto, dessa vez abordado de uma forma mais especifica, também pelo Dr. Fiorot.

A equipe multidisciplinar formada por enfermeiros, técnicos de enfermagem, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, psicólogos, farmacêuticos, nutricionistas e assistentes sociais, também participaram desta importante campanha na quinta-feira (30), com a palestra ministrada pela supervisora de enfermagem, Elry Cristine Nickel. Na sexta (31) os acompanhantes puderam se informar sobre o assunto com a palestra ministrada pela Dra. Rubia Rasseli e no sábado (1) pela manhã os pacientes e ex-pacientes prestigiaram o fechamento do evento, com a palestra do Dr. Fiorot.

Um dos principais focos das palestras foi o tempo a partir do início dos sintomas e o início do tratamento. Os palestrantes reforçaram a necessidade de ligar para o SAMU (192) assim que os primeiros sintomas apareçam, pois o tratamento só será eficaz se realizado até quatro horas e trinta minutos após o início do sintoma do AVC.

2014.12.04



Sem Comentários

418 Visualizações

Deixe um comentário :