Projeto inspira alunos a promoverem gestos de solidariedade no CSC

Postado por admin

Todos os anos, a Equipe Pedagógica do Colégio Santa Catarina (MG) solicita aos professores que desenvolvam trabalhos interdisciplinares, abordando a temática da Campanha da Fraternidade. Neste ano, um deles se destacou. Embora tenha sido um trabalho que envolveu as disciplinas de Matemática Financeira, Ensino Religioso e Inglês, que o capitaneou foi a professora Patrícia Paiva, de História.

O trabalho contou com duas partes. A primeira, que já estava prevista, foi a das caixinhas de fósforo, em que os alunos tinham que colar uma foto que registrasse um ato de generosidade promovido por eles próprios. “Como o tema da Campanha da Fraternidade foi o combate à violência, tivemos a ideia de trabalhar a generosidade e, então, decidimos trazer os meninos para a realidade de pessoas que sofrem os mais diversos tipos de violência”, explica Patrícia.

Foi pedido aos alunos que eles fizessem um ato de generosidade para que pudessem vivenciar uma realidade bem diferente da que eles estão acostumados. Eles deveriam registrar o momento em foto e contar, em uma frase, o que eles sentiram ao realizar aquele gesto. Muitos alunos visitaram asilos, a Fundação Ricardo Moysés, que acolhe crianças em tratamento contra o câncer, houve muitos mutirões de doação de roupa, cachorros de rua sendo alimentados e depois até adotados pelas crianças que acabaram se apaixonando pelos bichinhos. “Os depoimentos dos alunos após o trabalho me surpreenderam. Foi muito interessante perceber como eles são generosos, mas, às vezes, não têm oportunidade de praticar essa generosidade, por serem muito pequenos. Mas, com esse trabalho, a intenção de fazer algo pelo outro partiu deles, eles foram protagonistas. Eles passaram a abraçar moradores de rua que, geralmente, são pessoas invisíveis para a maioria da população, que as ignora. E eles não. Passaram a ter um novo olhar com o próximo”, conta a professora.

Antes de dar início ao trabalho de campo, no entanto, Patrícia recebeu um vídeo por WhatsApp e percebeu que a mensagem passada no vídeo era o complemento perfeito do trabalho. O vídeo em questão é uma campanha que celebra os 50 anos de uma grande empresa de moda no Brasil e que traz a mensagem: “Viva com todo o seu coração”.

Com o vídeo, os alunos tinham também que pegar uma camisa branca e, nela, escrever todos os momentos felizes que já tinham vivido até então. “Muitos assistiram ao vídeo com as avós e disseram que todo mundo foi às lágrimas. A maioria fez questão de comprar camisa nova para fazer o trabalho, embora eu tivesse falado que podia aproveitar uma camisa usada. E muitos compraram camisas maiores, para poder fazer muitas anotações”, afirma Patrícia, lembrando que o trabalho, a pedido dos próprios estudantes, terá continuidade até o fim do Fundamental II, ou seja, até o nono ano. Além disso, tiveram muitos relatos de que os pais também se empenharam e decidiram a família toda fazer a camisa, para valorizar os bons momentos da vida.

 “Foi um trabalho bem bonito, deu gosto de fazer e contou com forte envolvimento dos alunos. Eu confesso que não esperava que essa proposta fosse mexer tanto com as turmas. Eu vi muita emoção, exatamente por eles não terem essa oportunidade de praticar a caridade no dia a dia, até por serem muito novos, mas desta vez eles fizeram, eles participaram, o desejo partiu deles. Então foi muito intenso. Eu amei!”, acrescenta Patrícia, emocionada.

Fotos da ação:

2018.12.21



Sem Comentários

160 Visualizações

Deixe um comentário :