Pastoral promove “Diálogo com pessoas de convicções não religiosas”

Postado por admin

Existe uma palavra que não podemos nunca cansar de repetir e principalmente, de testemunhar: diálogo.  O outro, qualquer pessoa, é diferente e igual a nós. Abrir-se aos outros não nos empobrece. Pelo contrário, nos enriquece, porque nos faz encontrar a verdade do outro e a importância de sua experiência, mesmo que escondam escolhas e comportamentos com os quais não concordamos.

Foi nessa perspectiva de encontro, diálogo e fraternidade que, no dia 8 de julho, a comunidade do Hospital Santa Catarina (SP), representada por colaboradores de vários setores, voluntários e irmãs, reuniu-se para um café e uma imersão no mundo do “diálogo com pessoas de convicções não religiosas”.

Estiveram presentes a eslovena Vida Rus, e o maltês Andrew Camilleri, membros do Movimento Focolares, coordenadores em Roma de um centro internacional que tem como objetivo incentivar e acompanhar o diálogo entre pessoas que têm uma fé religiosa e pessoas que não possuem um referencial religioso.

“Entre apresentações de cada participante e dos convidados internacionais, perguntas e respostas, todos vivenciaram uma simples e profunda fraternidade na diversidade. O clima da tarde era de frio, mas dentro de uma das salas da Casa das Irmãs o clima de estima, respeito e altruísmo aqueceu os corações e renovou a convicção de que, mais do que em outras épocas, o nosso mundo plural e complexo clama por compreensão, proximidade, compaixão e diálogo”, conta o coordenador corporativo de Pastoral e Espiritualidade, Klesio Ferreira Hamada.

Confira fotos do encontro:

2019.07.16



Sem Comentários

100 Visualizações

Deixe um comentário :