Obra Social Santa Catarina promove Dia da Convivência

Postado por admin

No dia 11 de agosto, a Obra Social Santa Catarina (MG) promoveu o Dia da Convivência, um momento de integração com as famílias assistidas pela Casa. O evento, realizado no salão da OSSC, contou com muitas brincadeiras, charadas, música e sorteio de prêmios, além de deliciosas comidas típicas. “Além da confraternização e diversão, a festa também tem como objetivo arrecadar dinheiro para a continuidade dos cursos que oferecemos aqui. A verba é usada para a compra de material para os cursos ou algum equipamento que a gente precise”, afirma a coordenadora da Obra, Carla Cristina Silva.

A festa teve a participação das famílias que moram no entorno da Obra, a começar pelo nome do evento, sugestão de uma das assistidas. “Decidimos colocar um nome mais sugestivo, para que pudéssemos chamar mais pessoas e que tivesse mais a ver com nossa realidade. Então, uma moça que frequenta muito a Obra me sugeriu a palavra ‘Convivência’, e explicou que aqui é um lugar onde se convive e se faz amizades. Achei perfeito e ficou”, conta a coordenadora.

A comunidade também participou na preparação da festa, seja com doações ou com trabalho braçal. Ajudaram a enfeitar o espaço da confraternização, contribuíram na produção das comidas e no dia da festa. Com muito entusiasmo, cantaram o bingo e fizeram desafios para o público. “Tudo o que nós arrecadamos foi de doação, da própria comunidade, de nós funcionários e também nossos familiares. Por isso, gostaria de deixar registrado minha profunda gratidão a todos”, destaca Carla.

O diretor executivo Flávio Sousa também marcou presença com a família e se divertiu com as brincadeiras. Além do sorteio de prêmios, os participantes se divertiram com brincadeiras de pescaria, boca do palhaço e jogo de argolas. Um charmoso e aconchegante espaço kids, com livros e quadrinhos, também atraiu a garotada. E para saborear, muitas delícias: algodão doce, pipoca, paçoca, cachorro quente, canjica e vaca atolada. Foi uma tarde de diversão em família, para todas as idades. E o que sobrou de comida foi doado para o Núcleo do Cidadão de Rua, aquecendo o inverno de muitos irmãos carentes.

2018.08.17



Sem Comentários

252 Visualizações

Deixe um comentário :