HST celebra ótimos resultados no combate a infecções hospitalares

Postado por admin

O combate a infecções é um ponto forte do Hospital Santa Teresa (RJ) e a melhoria desse indicativo merece ser comemorada. Na reunião mensal de análise de indicadores do caminho do paciente, realizada no último dia 6, alguns novos marcos foram conquistados. Um avanço nesse trabalho é importante pois destaca a segurança e o cuidado do atendimento ao paciente.

Na ocasião, foi celebrada a marca de um ano sem qualquer Infecção do Trato Urinário (ITU), associada ao Cateter Venoso de Demora (CVD) nas três Unidades de Terapia Intensiva do Hospital, as UTIs São José, Coronariana e São Judas Tadeu. Outra meta alcançada foi a redução da Pneumonia Associada à Ventilação Mecânica (PAV), que tinha uma média de 8,94 por 1000 dispositivos/dia, para 2,38 na UTI São Judas Tadeu. Um dado que evidencia a importância do trabalho desenvolvido é o índice de PAV na unidade, que em dezembro de 2017 atingiu a marca de 22,14.

“É um momento muito especial, pois traduz o amadurecimento de toda a equipe multidisciplinar das UTIs no que se refere à análise dos resultados, planejamento de estratégias para melhoria, PDSAs para testar ideias de mudança e trabalho em equipe. O envolvimento da base nos processos e a divulgação dos resultados em tempo oportuno fez toda a diferença”, explicou a enfermeira especialista em Segurança do Paciente, Ana Paula Meireles.

Ainda de acordo com a enfermeira, a meta agora é sustentar os resultados alcançados em IPCS-CVC E ITU-CVD e reduzir ainda mais a densidade de PAV na Instituição.

Mais comemorações

Na quinta-feira, dia 12, toda a equipe da UTI Coronariana, juntamente com supervisores, coordenadores, gerente de enfermagem, coordenadores de equipes médicas e o diretor Executivo, Leonardo Menezes, celebraram com um bolo os 401 dias sem IPCS na unidade, que também já ultrapassou os 540 dias sem ITU.

Fotos:

2019.09.16



Sem Comentários

168 Visualizações

Deixe um comentário :