Hospital Amparo Maternal é tema de curso na USP

Postado por admin

O Hospital Amparo Maternal (SP) foi tema do curso “Inovação em Saúde Materno-infantil e a Iniciativa Hospital Amigo da Mulher e do Bebê”, da Faculdade de Saúde Pública da USP. Oferecido no mês de fevereiro, o curso, promovido pela pesquisadora Simone Diniz, apresentou aos estudantes a iniciativa desenvolvida no HAM. Com proposições, avaliações e consolidação de melhorias e das boas práticas assistenciais da Casa, a iniciativa que inspirou o curso, chamada de “Hospital Amigo da Mãe e do Bebê – HAMABE”, já está em andamento na Casa desde 2017 e pretende certificar o Hospital em relação aos serviços e inovações em assistência materno-infantil.

Segundo Simone, o curso foi uma oportunidade de apresentar os resultados alcançados e metodologias aplicadas. “Ficamos muito felizes com o trabalho que vem sendo desenvolvido no Amparo. O curso é, então, uma oportunidade de discutir inovações e mostrar o que a assistência da Casa vem fazendo na promoção da saúde”, destacou.

A diretora executiva do Hospital, Fernanda Allucci, foi convidada a apresentar a instituição aos estudantes e falou sobre as perspectivas da Casa. “Para falar sobre o futuro é preciso, antes de tudo, explicar como o Amparo chegou onde está, pois essa base histórica é parte fundamental para compreender, inclusive, as dificuldades estruturais que enfrentamos atualmente”, reforçou.

Além da diretora executiva, Natália Melo, diretora técnica e Ariane Siqueira, supervisora de enfermagem também apresentaram os resultados do Amparo ao longo dos quase dois anos que a HAMABE está em desenvolvimento no HAM. “Entre as melhorias que o projeto nos trouxe, podemos destacar a mudança na visão sobre a assistência, um olhar ainda mais humanizado e o parto sob a ótica da experiência e protagonismo da mulher”, explicou Ariane, que também demonstrou o caminho a ser traçado para alcançar as metas estabelecidas pela iniciativa. A experiência positiva da paciente atendida pelo SUS (e consequentemente, no Amparo Maternal) é o objetivo da iniciativa HAMABE, pois dentre os hospitais e maternidades da capital, o Amparo é dos que apresenta melhores indicadores de humanização e cuidados, a frente, inclusive, de hospitais da rede privada. “Com a reforma, o que pretendemos é promover não só o parto humanizado e respeitoso, mas uma possibilidade de parto com dignidade e estrutura excelente na rede pública”, afirmou Fernanda Allucci.

Fotos do curso e do HAM:

2019.03.12



Sem Comentários

54 Visualizações

Deixe um comentário :