HCNSC realiza primeira captação de tecidos para transplantes

Postado por admin

O Hospital de Clínicas Nossa Senhora da Conceição (RJ) é um importante aliado da Central de Transplantes do Estado do Rio de Janeiro desde 2011, quando foi realizada a primeira captação de órgãos no Hospital. Recentemente, o HCNSC e o Programa Estadual de Transplantes (PET) deram mais um importante passo, que contribuirá para a redução da fila de espera por órgãos e tecidos, com a captação de córneas, esclera, ossos, pele e tendões de um paciente que teve morte encefálica.

Esta foi a primeira vez que uma doação de tecidos foi efetivada na região Centro Sul Fluminense. “A captação de tecidos possibilita a recuperação de indivíduos que têm comprometimento em alguns tipos de ferimentos, como queimaduras e perda de tecido ósseo”, disse o Dr. Ricardo Martello, coordenador da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes (CIHDOTT) do HCNSC.

O trabalho desenvolvido pela CIHDOTT está abrindo um caminho para facilitar a doação de órgãos no Município e região, e a intenção é expandir este trabalho. “No futuro, o HCNSC pretende ter médicos e enfermeiros dedicados exclusivamente a essa função e os planos são para que sejamos um hospital transplantador também”, ressaltou o Dr. Ricardo.

Nos últimos quatro anos, o hospital notificou 49 casos de morte encefálica ao PET, com efetividade das doações de 46%. No ano passado, o Brasil registrou o maior número de doadores efetivos da história: 2.983. O dado representa uma taxa de 14,6 PMP (por milhão da população), 5% maior em comparação a 2015. Essa estatística aumenta ainda mais a importância da continuidade deste trabalho que é realizado no HCNSC.

Para saber mais sobre a doação de órgãos, acesse o site do Programa Estadual de Transplantes www.transplante.rj.gov.br.

2017.07.10



Sem Comentários

360 Visualizações

Deixe um comentário :