Especial 10 anos: conheça o perfil de Maria Aparecida

Postado por admin

As comemorações em celebração aos 10 anos e 100 edições do Congregar continuam, assim como a homenagem aos colaboradores que fizeram parte dessa trajetória. Esta é uma maneira que encontramos em demonstrar gratidão por todos os serviços prestados que foram – e são – tão importantes para que chegássemos aqui, afinal, a Associação Congregação de Santa Catarina é feita de pessoas que trabalham com amor e dedicação.

Esta edição traz o perfil da colaboradora Maria Aparecida Madalom Pissaia, que iniciou as atividades no Hospital Madre Regina Protmann (ES) há 10 anos. A trajetória de Aparecida sempre foi marcada pela luta e perseverança, desde cedo. Com 1 ano de idade, ela teve paralisia infantil e, devido à sua deficiência física, teve muita dificuldade em encontrar um emprego, pois, infelizmente, sofria alguns preconceitos.

Aparecida participou do processo de seleção para o quadro de colaboradores do HMRP em 2006. “Fui escolhida para compor a equipe do setor de Suprimentos. Eu morava na zona rural do Município de Santa Teresa (ES), e o incentivo para estar e continuar nesse emprego era da minha filha Mayara, que hoje tem 15 anos e sempre foi uma pessoa de grande impacto na minha vida”, relembra.

A contratação de Aparecida pelo hospital acabou se tornando a sua primeira experiência profissional remunerada. Ela iniciou as atividades no setor da Farmácia Central e logo após foi transferida para o setor do Almoxarifado Central, em 2007. Já em 2009, foi promovida para o setor de Compras, onde atua até hoje.

Vale lembrar que a ACSC acolhe e apoia pessoas com deficiência por meio do Programa Vida Plena, que possibilita que os profissionais alcancem significado para vida, desenvolvam seu potencial e se realizem como seres humanos. Além, claro, de fazerem a diferença na construção contínua da história da Instituição.

Aparecida sempre foi muito presente nas atividades de sustentabilidade e responsabilidade social do hospital, e atua na linha de frente na solicitação de doações de alimentos não perecíveis junto aos fornecedores e à comunidade local. Também participa da organização de eventos junto à comunidade e de momentos internos de reflexão e apresentações teatrais da Casa.

Ao ingressar no Hospital, Aparecida realizou um sonho, mas teve que abrir mão de situações importantes, como, por exemplo, estar diariamente ao lado de sua filha. “Só a vejo nos fins de semana, mas vale a pena. Gosto de estar no Hospital Madre Regina Protmann. Com o passar dos anos, já pensei em desistir e voltar para casa, mas a missão e o carisma da entidade e as pessoas que sempre estiveram junto comigo nesta caminhada, contribuindo com palavras de força e perseverança para o meu amadurecimento e crescimento pessoal e profissional, sempre me fizeram ficar”.

Atualmente, Aparecida está inscrita no processo de seleção da Universidade Federal do Estado do Espírito Santo – UFES, pleiteando uma vaga no curso de graduação em Filosofia. “Acredito que chegou a hora de retornar aos estudos e aprender cada vez mais, pois eu quero e vou conseguir”.

“Hoje me considero uma pessoa vitoriosa, por ter conseguido superar meus medos, ter conseguido amadurecer, ter conseguido aprender a trabalhar em um mundo que amo, que é o setor de Compras e Suprimentos do meu hospital, dentre outras coisas boas que guardo comigo. Em especial, agradeço a oportunidade e o voto de confiança que as irmãs da Associação Congregação de Santa Catarina me depositaram, bem como agradeço a minha Casa e todos os colaboradores que sempre estiveram presentes em minha vida profissional”.

Nome completo: Maria Aparecida Madalom Pissaia
Idade: 43 anos
Um lema… “Como Deus quer, já dizia Madre Regina Protmann”.

2016.02.15



8 Comentários

2.039 Visualizações

  1. Wagner Moreira Kohlert disse:

    Nossa Casa (HMRP) tem orgulho de lhe ter entre nossa equipe.

  2. Daniela disse:

    Com certeza nossa colega Cida é uma guerreira, e sem dúvida alguma, uma colaboradora muito importante para nossa Casa. Obrigada por escolher estar junto conosco nesta luta diária.

  3. Daniela Fernandes disse:

    Aparecida, você é uma pessoa muito querida e especial para todos nós. Um beijo enorme …

  4. Ir Adelaide Schledorn disse:

    Aparecida,parabenizo por você pertencer ao nosso time.Um carinhoso abraço

  5. Debora Marques disse:

    Gratificante para nós observar toda sua evolução na Casa, saber de todo seu esforço para cada vez mais se aprimorar.
    Siga em frente com a mesma intensidade.

  6. Jackeline Gelman disse:

    Bom dia Aparecida! Também trabalho na ACSC, no Hospital São José em Teresópolis/RJ na área de compras e fico muito feliz pela sua trajetória! Sem sombra de dúvidas é uma guerreira e sua história é um exemplo! Parabéns e muito sucesso!

    Abraços!

  7. Daniela Fernandes disse:

    Aparecida, ficamos felizes em fazer parte desta história tão bonita.

  8. Reginaldo A. Scheffer disse:

    Aparecida, são histórias como a sua que nos motivam a cada dia mais. Parabéns pela sua dedicação e esforço. Linda história de vida.

Deixe um comentário :