Especial 10 anos: conheça Maria Taís, colaboradora da CMR-CE

Postado por admin

Em continuidade à celebração dos 10 anos de Congregar, esta edição traz o perfil de Maria Taís Cavalcante da Costa, educadora que há 10 anos atua no Creche Madre Regina (CE), Casa administrada pela ACSC em Fortaleza, no Ceará, e que foi inaugurada com o objetivo de atender diferentes públicos, especialmente crianças cujos pais são soropositivos, e crianças com deficiência.

Quando Maria Taís ingressou na Instituição, já era técnica em Pedagogia, mas naquele momento, não havia vaga no quadro de professores. Durante 2 anos, permaneceu como cozinheira, até surgir a oportunidade de exercer o papel de auxiliar educacional. Ela aprendeu muito nesse cargo, mas ainda almejava uma vaga de professora, desejo que se concretizou 3 anos depois.

Promovida a educadora, a tia Taís, como é conhecida carinhosamente pelas crianças, iniciou a graduação de Pedagogia há 4 anos e se formou no ano passado.

Durante sua trajetória na Creche, ela colaborou com grandes projetos em datas comemorativas, mas conta que seu dia preferido é o Folclore. “A gente trabalha com o resgate das cantigas, fazemos brincadeiras, incentivamos que as crianças ouçam músicas, escutem histórias e as vivenciem, por meio dos teatros. Hoje, as crianças utilizam muito a internet e o computador, por isso gosto desse trabalho”, comenta.

“Apesar de pequeninas, as crianças com apenas 3 anos dão um show de interpretação. Eles são atores maravilhosos, é surpreendente como fazem coisas lindas”, elogia Taís.

No dia a dia, a educadora é responsável por uma série de atividades, como a recepção das crianças e a musicalidade, que acontece todas as manhãs, as orações, o momento de ação, em que as crianças dançam, pulam, cantam, bem como o momento de conversa, em que ela abre espaço para que as crianças interajam, contando como estão as coisas em casa, o que têm feito e o que mais tiverem vontade de falar. ”Nós falamos muito com eles, também ensinamos como escovar os dentes e tomar banho, tentamos passar coisas básicas, mas que fazem muita diferença”, explica.

A educadora considera seu trabalho importante e com um grande significado. “Eu faço o que eu gosto e é o que eu sei fazer, não saberia fazer outra coisa. Gosto muito, aprendo muito com todos eles, inclusive com os pais”, conta. Para Taís, é gratificante poder fazer a diferença para filhos e pais também. “Nós procuramos ajudar os pais a crescer como pessoas, como família, como profissionais. Temos um relacionamento muito legal”, se orgulha.

A colaboradora da Creche é muito querida entre os colegas e seus alunos. “Eles gostam muito das histórias que eu conto. É como se meu trabalho fosse o certo naquele momento. Me sinto realizada ao perceber que a hora de contar histórias é um momento de felicidade para as crianças. E para mim também”, conta Taís.

Perfil

Nome completo: Maria Taís Cavalcanti da Costa

Idade: 38 anos

Filhos: Taís tem dois filhos – Natanel (15 anos) e Melissa (8 anos).

Sobre a vida: “São momentos que têm que ser vividos com muita intensidade. E eu faço isso todos os dias, com certeza”.

Nos momentos de lazer… “Eu vou à igreja com meus filhos. Gosto de passear com eles e visitar amigos. Também vamos muito ao cinema”.

Trabalhar na ACSC: “É surpreendente e diferente de tudo o que já vi. Somos uma família e todo mundo participa para que as coisas funcionem corretamente”.

Um fato marcante: “Sempre nos surpreendemos bastante aqui e tudo é marcante, mas, no ano passado, um aluno muito quietinho me surpreendeu. Ele participou de uma peça e ‘fez acontecer’. Ver a evolução dele, pra mim, foi uma vitória”.

Congregar: “A gente se informa e interage com tudo. Vê um pedacinho de cada Casa e, quando nos enxergamos ali, é muito legal saber que também estão nos vendo”.

Um sonho: “Já realizei no ano passado, que foi me formar. Agora, meu próximo sonho é ver meus filhos se formando também”.

Um lema: Viver a vida com alegria”.

Propósito de vida: “É agradecer as coisas concedidas por Deus em relação a trabalho, família e amigos. É agradecer por essa família que Ele me deu, que são os amigos da Creche”.

2016.03.30



Sem Comentários

560 Visualizações

Deixe um comentário :