Dia do Higienizador no Hospital Nossa Senhora da Conceição

Postado por admin

Proporcionar conforto, segurança e bem-estar aos pacientes também é a missão da equipe do Serviço de Higiene e Limpeza do Hospital Nossa Senhora da Conceição (SC), que mantem os ambientes limpos e livre de contaminação. Pela primeira vez na instituição, o Dia do Higienizador, 19 de maio, foi celebrado como reconhecimento ao incessante trabalho destes profissionais que atuam 24 horas no Hospital.

A data foi inspirada no dia do Gari, comemorado em 16 de maio. A ideia partiu da coordenadora do setor, a enfermeira Camila Gomes da Rocha que evidencia que o serviço de higiene e limpeza é um dos pilares pra um atendimento de qualidade. “Boas práticas em higiene hospitalar e técnicas corretas de limpeza fazem parte dos princípios de qualquer instituição de saúde”, destaca a enfermeira Camila.

Esse cuidado com a limpeza deve ser em dobro quando falamos de hospitais, pois tanto o paciente como funcionários estão expostos a todo tipo de doença, muitas delas causadas por agentes infecciosos e a higienização correta e eficaz dos ambientes é de extrema importância para proteção de todos que circulam pela instituição. “É a limpeza que contribui na hora de controlar a proliferação desses agentes infecciosos”, descreve a coordenadora Camila.

Para a colaboradora do setor Elizane Gomes Bento, o objetivo maior da equipe é ofertar conforto e bem-estar ao paciente para que ele tão logo se recupere. A colaboradora recém-admitida, Lisier Silva Rosa, reforça dizendo que “o paciente precisa se sentir especial e acolhido e, essa é a nossa missão”, finaliza.

 O trabalho da equipe de higiene e limpeza tem como base o manual da ANVISA ‘Segurança do Paciente e Desinfecção de Superfícies’, que tem como fundamento práticas baseadas em evidências voltadas à segurança do paciente. A partir da análise e estudo deste manual, segundo a coordenadora do setor, foram desenvolvidos protocolos em busca da padronização das ações de higiene no hospital e as colaboradoras recebem constantemente qualificação e treinamento.

Para o paciente Sergio da Silva Garcia o que mais lhe chamou atenção desde que se internou no hospital foi à higiene e a organização “Nem sinto o cheiro de hospital, aqui todos são nota 10”. A esposa do paciente, Sandra Nascimento de Abrêu Garcia, completa dizendo que desde que chegaram à instituição foram bem acolhidos e sabiam que estavam no local certo, com as pessoas certas. “Sentimo-nos amados, seguros e acolhidos por todos os profissionais e, isso não tem preço”, conta a técnica de enfermagem que completa dizendo que o conforto e o bem-estar são primordiais para os pacientes.

2018.05.29



Sem Comentários

340 Visualizações

Deixe um comentário :