CSSJ sorteia 200 computadores entre seus colaboradores

Postado por admin

A Casa de Saúde São José, instituição administrada pela Associação Congregação de Santa Catarina, realizou pela primeira vez uma ação de inclusão digital. Por meio deste projeto, 200 computadores usados, que foram retirados dos setores para serem substituídos por outros novos, foram sorteados gratuitamente entre os colaboradores. O sucesso da iniciativa pode ser medido em números: mais de 400 funcionários inscreveram-se. Para participar dos sorteios, realizados publicamente durante quatro dias, o funcionário tinha que preencher requisitos como ter, no mínimo, seis meses de trabalho na Casa e não ter faltado ao trabalho neste período.

Segundo a diretora geral da CSSJ, Irmã Laura Benincá, mais do que um prêmio, ter acesso ao mundo digital é imprescindível para o desenvolvimento profissional e inserção no mercado de trabalho. “Estamos na era digital e virtual. Com essa ação, queremos proporcionar aos nossos funcionários a oportunidade de estarem inseridos neste vasto horizonte”, enfatiza, sem esconder a satisfação com os resultados da ação. “Foi gratificante contribuir para a alegria dos muitos que foram contemplados. A cada nome sorteado, era uma explosão de alegria”.

Para os sorteados, ganhar um computador representa o começo de um processo de superação pessoal. Este é o caso do maqueiro Alonso da Silva, funcionário da Casa há 32 anos. “Agora, com a ajuda da minha filha, vou aprender a usar o computador”. Alguns colaboradores aproveitaram a oportunidade para propagar a solidariedade, inscrevendo-se no sorteio com a intenção de doar o seu prêmio, caso ganhassem.  A analista de RH Monique Goering doará o seu computador para o avô que, segundo ela, já sonhava em conectar-se ao mundo digital. “É por meio de gestos como este que estendemos as ações sociais realizadas pela São José”, afirma.

Além da solidariedade, a motivação foi mais um aspecto ressaltado pelos colaboradores. “Embora haja critérios para as pessoas participarem do sorteio, essa é uma forma de compensar o esforçado, quem se empenha um pouco mais. Qualquer incentivo é sempre bem-vindo”, lembra Newton Andrade, auxiliar operacional de hotelaria.

 

2011.07.14



Sem Comentários

488 Visualizações

Deixe um comentário :