CSC-MG vai construir viveiro de plantas como gesto concreto da CF 2017

Postado por admin

O Colégio Santa Catarina de Juiz de Fora (MG) lançou o Gesto Concreto da Campanha da Fraternidade 2017, anunciando a construção de um grande viveiro de plantas. O objetivo é cultivar sementes e mudas de árvores da Mata Atlântica e replantá-las em áreas de reflorestamento. Este é um sonho antigo da diretora geral, Irmã Ernestina Lemos, que deseja fazer do plantio de árvores uma atividade fixa no calendário do CSC.

Realizada no ginásio esportivo do Colégio, a solenidade de lançamento do Gesto Concreto contou com a presença de alunos, professores, colaboradores e alguns pais convidados e começou com o público rezando a Oração da Campanha da Fraternidade. Em seguida, alunos de todos os segmentos, professores e funcionários do CSC fizeram uma breve apresentação de cada um dos seis biomas presentes no território nacional, mostrando em cartazes a flora e fauna de cada ecossistema.

A professora Andrea Rodrigues e o seu marido, Alfrano Oliveira de Vasconcelos, doaram ao Colégio cerca de 10 mil sementes de árvores nativas da Mata Atlântica. Foi a partir desta doação que surgiu a ideia de construir o viveiro de plantas em um terreno que o Colégio possui anexo à Obra Social Santa Catarina, no Bairro Jardim Casablanca.

“O Gesto Concreto na escola é uma reflexão quaresmal, que no nosso caso ocupa o ano todo, em que tentamos colocar em prática a proposta da Campanha da Fraternidade de cada ano, por meio de um gesto que reúne todas as ações, arrecadações e iniciativas dos alunos, educadores e famílias no intuíto de deixar uma marca na Instituição ou na comunidade assistida”, explica o professor Juceme Rodrigues, coordenador de Ensino Religioso do CSC.

O evento terminou com a posse dos representantes de turma de todas as salas do Ensino Fundamental II e do Ensino Médio. A diretora pedagógica Izabel Loures lembrou: “Os líderes são reconhecidos e assumem a missão de motivar, incentivar e propor alternativas para que o gesto concreto seja a expressão de uma escola solidária, que se concretiza no envolvimento de cada sala”.

 

2017.04.13



Sem Comentários

420 Visualizações

Deixe um comentário :