CSC-JF inaugura Memorial e investe em lousas interativas e novos mobiliários para os alunos

Postado por admin

O Colégio Santa Catarina de Juiz de Fora (MG) começou o ano letivo de 2017 com novidades. No total, 14 salas de aula receberam lousa interativa e computador com acesso à internet, o que vai possibilitar ao professor planejar aulas mais dinâmicas. Além disso, inaugurou um Memorial da Pátria bem no coração do Colégio, um ambiente aconchegante e que respira história.

Localizado no saguão do prédio principal do colégio, o Memorial conta a história do CSC e de todas as irmãs que dirigiram a instituição desde a sua fundação, em 1909. Além disso, o espaço traz um mapa do Brasil e seus recursos naturais, fotos e um breve histórico de alguns personagens importantes da história de nosso país e símbolos oficiais nacionais: o Hino Nacional, a Bandeira do Brasil, o Brasão da República e o Selo Nacional.

“Ficou um lugar excepcional. Quando eu vi aquilo, foi uma surpresa muito agradável e eu fiquei emocionada de ser recebida para mais um ano letivo com essa maravilha. Aquelas espadas, a bandeira, ficou tudo de um bom gosto absurdo. Era um espaço praticamente inutilizado e que, agora, se tornou um espaço educativo. Em um prédio centenário, onde funciona uma escola e você passa por ali para chegar até o salão nobre, nada seria mais perfeito do que esse memorial”, avalia Andrea Rodrigues, professora de Artes do CSC.

Além disso, as salas de aula do primeiro e segundo andares ganharam carteiras novas e mais confortáveis para os alunos. Complementando o aparato, as salas ganharam armários com computadores, sistema de som integrado e um projetor multimídia, com tecnologia de Led e alta luminosidade, de forma que não precisa escurecer o ambiente e não incomoda o olho de quem está utilizando o equipamento. Tudo isso conectado à internet.

“Temos aqui um ambiente pronto para utilização. Com esse aparato tecnológico em sala de aula, o professor ganha agilidade e dinamismo, saindo da convencional aula no quadro negro”, esclarece Ronald Varandas, analista de negócios do CSC.

A professora de Português Rosângela Noronha, assim que soube da novidade durante reunião pedagógica, preparou um material especial para usar o dispositivo já no primeiro dia de aula. “Estou encantada com a gama de possibilidades que a ferramenta nos oferece. A aula fica mais interessante tanto para nós, professores, quanto para os alunos. Eu percebi que eles realmente estão mais interessados por conta da tecnologia”.

2017.02.10



Sem Comentários

455 Visualizações

Deixe um comentário :