AVC é cada vez mais comum em jovens, segundo o Ministério da Saúde

Postado por admin

Dados do Ministério da Saúde apontam que entre 1998 e 2007, houve um crescimento de 64% nas internações por AVC (Acidente Vascular Cerebral) entre homens de 15 a 34 anos, e de 41% entre mulheres na mesma faixa etária. O AVC, também conhecido por derrame, é a segunda principal causa de mortes no Brasil e a principal causa de incapacidade no mundo.

Segundo o Dr. José Antônio Fiorot Junior, isso tem ocorrido, pois as pessoas estão se expondo cada vez mais cedo a fatores de risco, como tabagismo, diabetes, colesterol alto e pressão alta. Além disso, a obesidade tem se iniciado muitas vezes, ainda na infância, levando a um maior número de jovens que possuem todos esses fatores de risco.

Ainda de acordo com o especialista, outra explicação pode ser o grande avanço na Medicina nos últimos anos, permitindo o maior número de diagnósticos de AVC, em pessoas que antes não recebiam o diagnóstico exato. “Não é possível precisar um número exato de casos, mas usualmente consideramos AVC em jovem quando ele ocorre, em pessoas com idade inferior a 60 anos”, explicou.

Em maio deste ano, somente no HEC foram atendidos 90 pacientes com suspeita de AVC, sendo que 22 deles (25%) tinham menos de 60 anos. Para prevenir o quadro é necessário que haja controle dos fatores de risco, como manter a pressão arterial e o diabetes controlados, não fumar, fazer o uso correto das medicações prescritas pelos médicos e evitar o sedentarismo e a obesidade.

Dados

– O Acidente Vascular Cerebral (AVC) é a segunda principal causa de morte no Brasil e a principal causa de incapacidade no mundo.

– Segundo o Ministério da Saúde, a cada 5 minutos um brasileiro morre em decorrência do AVC, contabilizando mais de 100 mil mortes por ano.

– No mundo, o AVC causa 6 milhões de mortes por ano.

– É possível reduzir em até 80% os casos de AVC se forem evitados os principais fatores de riscos modificáveis: hipertensão, colesterol, tabagismo e sedentarismo.

2017.06.26



Sem Comentários

513 Visualizações

Deixe um comentário :