ACSC abre vagas de emprego para inclusão de pessoas com deficiência

Postado por admin

Em 1991, quando foi promulgada a Lei das Cotas (nº 8.213/91), que estabelece que as empresas com mais de 100 colaboradores são obrigadas a contratar pessoas com deficiência, o poder público buscava garantir a empregabilidade das pessoas com necessidades especiais, ainda discriminadas pelo mercado de trabalho e até mesmo pela sociedade.

De acordo com o censo de 2010, o Brasil conta com 45 milhões de pessoas com algum tipo de deficiência. Isso representa 23% da população nacional. Existe, portanto, um grupo grande de pessoas que precisam e podem ser incluídas no mercado de trabalho.

A Associação Congregação de Santa Catarina encara este cenário não como uma obrigação, mas como uma forma de contribuir para a sociedade. A entidade filantrópica que já é reconhecida por auxiliar famílias nas áreas da saúde, educação e assistência social, também quer contribuir para o desenvolvimento deste grupo da sociedade.

O aprendiz Matheus da Silva e Souza, de 16 anos, possui uma deficiência motora do lado esquerdo, que não o impede de ser um sucesso dentro do setor de almoxarifado do Ceac Sul, unidade da ACSC em que atua. “Eles me veem como um colaborador que ajuda a empresa a crescer, por isso pretendo ficar aqui por muito tempo”, conta o jovem em uma entrevista a Revista Agitação.

Neste ano, a ACSC pretende dar continuidade a este trabalho de inclusão e está com 247 vagas em aberto para profissionais com deficiência nas áreas assistencial, operacional e administrativa. As inscrições vão até o dia 03 de maio. Para se inscrever, basta enviar o currículo para o e-mail: vagas.pcd@acsc.org.br– Imprescindível que no local do assunto do email mencionar área de interesse – segmento (saúde, educação ou assistência) e o estado.

COLABORADOR: Se você conhece alguém que possui necessidades especiais, indique este profissional para a área de Gestão de Pessoas, enviando o currículo para vagas.pcd@acsc.org.br.

 

2013.03.22



Sem Comentários

384 Visualizações

Deixe um comentário :