Ações de sustentabilidade da ACSC são reconhecidas no Prêmio Amigo do Meio Ambiente

Postado por admin

Este ano, a Administração Corporativa e nove Casas da ACSC se destacaram no Prêmio Amigo do Meio Ambiente (AMA). Concedido anualmente pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo às organizações de saúde que compõem o SUS em âmbito nacional e se destacam por iniciativas de proteção ao meio ambiente e de

sustentabilidade, a premiação visa estimular os profissionais e dirigentes das unidades de saúde do SUS a desenvolverem, em seus locais de trabalho, uma cultura perene de preservação ambiental, adotando soluções práticas, efetivas e ecologicamente sustentáveis.

A entrega do prêmio foi realizada no dia 14 de setembro, durante a solenidade de abertura do IX Seminário Hospitais Saudáveis – SHS 2016, no IEP – Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo.

Neste ano, concorrendo com mais de 100 projetos inscritos por organizações presentes em 11 estados brasileiros, a ACSC atingiu os seguintes resultados:

Placa de reconhecimento entre um dos 15 melhores trabalhos:

Administração Corporativa – “A priorização da saúde ambiental como um imperativo”

Desenvolver programas fomentando a conscientização, priorizando a saúde ambiental como uma vertente do planejamento estratégico, alinhado à alta administração, em todas as Casas da ACSC.

Certificado de Menção Honrosa:

Centro Estadual de Análises Clínicas (CEAC-Sul) – “Redução e consumo de água potável”

Redução do consumo através do reaproveitamento de 2/3 de água potável utilizada na produção de água reagente pelo processo de Osmose Reversa;

Hospital Madre Regina Protmann – “É brincando que se aprende”

Tem como objetivo a construção coletiva de um espaço agroecológico que viabilize diversas atividades de Responsabilidade Social e Ambiental, preconizada pela ACSC, desenvolvendo projetos autossustentáveis que gerem impactos positivos junto ao meio ambiente;

Hospital Regional de Cáceres – “Ações de Sustentabilidade Ambiental”

Sensibilizar os colaboradores quanto a importância da Sustentabilidade Ambiental na Casa;

Hospital Santa Catarina – “Consumo e Desperdício”

Reduzir consumo de água no Hospital e evitar o desperdício do recurso;

Hospital Santa Catarina – “Estudo de viabilidade de implantação do selo mecânico nas bombas centrifugas das centrais de água gelada”

O objetivo deste projeto é reduzir os custos com energia elétrica e água;

Hospital Santa Teresa –Programa de recicláveis”

Tem o objetivo de identificar as origens de geração dos resíduos recicláveis, priorizar ações a partir da quantidade gerada e facilidade de segregação do resíduo identificado;

Hospital de Trauma-Ortopedia Dona Lindu –Compostagem”

Visa diminuir a quantidade de lixo gerada pelos restos de comida, fazendo com que o descarte colabore 100% com o meio ambiente, uma vez que o único resíduo gerado será a matéria orgânica que poderá ser reaproveitada através de compostagem;

OS-Santa Catarina –Saúde ambiental e território”

Sensibiliza sobre o descarte adequado dos resíduos e sua associação com os animais sinantrópicos, vigilância ambiental e saúde e mobilização social, por meio do processo educativo e de visitas compartilhadas dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Zoonoses;

Polo de Atenção Intensiva em Saúde Mental (PAI-ZN) –Horta sustentável”

Tem o objetivo de sensibilizar e conscientizar os pacientes e a equipe sobre a importância do meio ambiente. Por ser uma atividade realizada em ambiente externo aos corredores, leitos e salas da Unidade de Internação, a horta possibilita um espaço de vivência prazerosa, que permite alcance de objetivos pessoais, tais como a validação pessoal, percepção do seu próprio potencial, aumento de autonomia, motivação, expressão de sentimentos, organização visual e relaxamento;

Hospital Estadual Central –Conscientizando colaboradores pelo exemplo e participação”

Identificar e iniciar a implantação de ação que contribua para minimizar os efeitos da escassez de recursos hídricos, atuando como exemplo para outras instituições, e sensibilizar o público interno sobre a destinação de resíduos enquanto prática de vida associada à sustentabilidade.

Para o especialista corporativo de Responsabilidade Ambiental, Francisco Silvério Neves, o Prêmio Amigo do Meio Ambiente contribui para o desenvolvimento e engajamento dos colaboradores em ações de responsabilidade ambiental.

Um importante acontecimento que marcou o evento foi a participação de algumas Casas da ACSC no “Desafio 2020 – a Saúde pelo Clima”, uma campanha internacional coordenada pela Rede Global Hospitais Verdes e Saudáveis, que visa mobilizar organizações de saúde ao redor do mundo a tomar medidas concretas contra as mudanças do clima e em defesa da saúde pública ambiental.

Uma das principais metas do Desafio 2020 é controlar e reduzir a emissão dos Gases de Efeito Estufa (GEE).

Na ACSC, as seguintes Casas se inscreveram e receberam uma placa em reconhecimento ao compromisso assumido com o Desafio 2020:

  • AME Itapevi
  • Hospital Estadual Central
  • Hospital Madre Regina Protmann
  • Hospital Nossa Senhora da Conceição
  • Hospital de Trauma-Ortopedia Dona Lindu
  • Hospital de Clínicas Nossa Senhora da Conceição

“O Planejamento Estratégico 2015-2019 prevê a redução das emissões dos Gases de Efeito Estufa (GEE), fazendo da ACSC uma Instituição que se preocupa desde sempre com as questões ambientais. Elaborar o inventário dos GEE é reconhecer as atividades que emitem esses gases, realizar a gestão continuada dessas emissões e ações, e controlá-las para que a meta de redução seja cumprida”, afirma Francisco.

O diretor corporativo de Operações, Vinicius Oliveira, em nome de toda a diretoria corporativa, parabeniza todos os trabalhos e Casas que participaram do projeto.

2016.09.27



Sem Comentários

796 Visualizações

Deixe um comentário :